Descomplicando o "IT" em Inglês e Português

Por Luciana Pirk 11/07/2022


It - o que é, como usar e exemplos

Português


Em português, temos “Sujeito Oculto” e “Sujeito Indeterminado”. Antes de falarmos sobre eles, vamos entender o que é o sujeito em uma frase:

O sujeito é a pessoa ou coisa que faz a ação ou que está sendo descrita.

Por exemplo:

  • Lee trabalha aqui. (Quem trabalha aqui? Lee.)
  • Lee é competente. (Quem é competente? Lee.)

Nestas duas frases, Lee é o sujeito.

Então, em português, temos “Sujeito Oculto”, como em “Aplicaremos os exames na próxima semana”. Se perguntarmos “Quem aplicará os exames?”, sabemos que a resposta é “Nós”. Não dizemos na frase, mas sabemos, com base em como o verbo é conjugado, a quem estamos nos referindo.

Temos também “Sujeito Indeterminado”, como em “Deixaram um pacote para você na recepção”. Se perguntarmos “quem fez isso?”, não saberemos a resposta. O sujeito é, portanto, indeterminado.

E é por isso que dizemos, em português, frases como “Está chovendo”, “Está muito sol hoje”, “Está nublado”.

E, justamente por isso, temos essa tendência de dizer “Is raining”, “Is very sunny today”, “Is very cloudy”.

Começamos nossas frases, em inglês, com o verbo e não usamos sujeito, porque é assim que fazemos em português.

Estou aqui para lhe dizer, porém, que não podemos fazer isso em inglês, pois não existe “Sujeito Oculto” ou “Sujeito Indeterminado” em inglês, e devemos sempre, sempre, ter um sujeito em cada frase. E é aí que entra o pronome It.

"It" é o pronome no singular usado para objetos (livros, canetas, carros, etc), animais (não incluindo bichos de estimação – para bichinhos você pode usar ele ou ela), o clima ("It doesn’t snow in Brazil."), e ideias e situações abstratas ("Happiness exists" –> "It exists.").

Usamos “it” especialmente, quando pensamos nessas diferenças entre português e inglês, e estamos falando do clima, que é um dos maiores erros que os brasileiros cometem ao falar em inglês.

Quando temos frases como “Ligaram para você”, não podemos usar “it”, pois estamos falando de uma pessoa e não de um objeto, animal, clima ou ideia abstrata. Aqui, podemos dizer “Someone/Somebody called you”, o que mostra que a pessoa com quem você está falando recebeu uma ligação, mas você não sabe quem ligou. Dessa forma, o sujeito é indeterminado, mas existe gramaticalmente na frase na forma de “alguém” ou “alguém”.

Então, lembre-se de sempre ter um sujeito em sua frase, sempre. E quando você não tem um, logicamente, como quando estamos falando sobre o clima, use “it”.

Para encerrar com o Caso do It”, só mais uma coisa: a forma plural de “it” é “they”, então “they” é na verdade o plural de “he”, “she” e “it”. Por exemplo:

Singular – He drives. Plural – They drive.

She works. They work.

It sleeps. (it=the cat) They sleep.




It - what it is, how to use it and examples

Inglês


In Portuguese, we have two things called “Sujeito Oculto” and “Sujeito Indeterminado.” Before we talk about them, let’s understand what the subject in a sentence is:

The subject (or “sujeito”, in Portuguese), is the person or thing who does the action or who is being described.

For example:

  • Lee works here. (Who works here? Lee.)
  • Lee is competent. (Who is competent? Lee.)

In these two sentences, Lee is the subject.

So, In Portuguese, we have “Sujeito Oculto”, as in “Aplicaremos os exames na próxima semana.” If we ask “Quem aplicará os exames?”, we know the answer is “Nós”. We don’t say it in the sentence, but we know, based on how the verb is conjugated, who we are referring to.

We also have “Sujeito Indeterminado”, as in “Deixaram um pacote para você na recepção”. If we ask “who did it?”, we don’t know the answer. The subject is, thus, undetermined.

And that’s why we say, in Portuguese, phrases such as “Está chovendo”, “Está muito sol hoje”, “Está nublado”.

And, just because of that, we have this tendency to say “Is raining”, “Is very sunny today”, “Is cloudy.”

We start our sentences, in English, with the verb and use no subject, because that’s how we do it in Portuguese.

I’m here to tell you, though, that we cannot do that in English, for there is no such thing as “Sujeito Oculto” or “Sujeito Indeterminado” in the English language, and we must always, always, have a subject in every sentence. And that’s where the Pronoun "It" comes in.

"It" is the pronoun in the singular used for objects (books, pens, cars, etc), animals (not including pets – for pets you can use he or she), the weather ("It doesn’t snow in Brazil."), and abstract ideas and situations ("Happiness exists". –> "It exists.").

We use “it” specially, when we think about these differences between Portuguese and English, and we are talking about the weather, which is one of the biggest mistakes Brazilians make when speaking in English.

When we have sentences such as “Ligaram para você”, we can’t use “it”, since we are talking about a person and not an object, animal, the weather, or an abstract idea. Here, we can say “Someone/Somebody called you”, which shows that the person you are talking to received a call but you don’t know who called them. In this way, the subject is undetermined, but it exists grammatically in the sentence in the form of “someone” or “somebody”.

So, remember to always have a subject in your sentence, always. And when you don’t have one, logically, such as in when we are talking about the weather, use “it.”

To wrap up with the “it case”, just one more thing: the plural form of "it" is "they", so "they" is actually the plural of "he", "she", and "it". For example:

Singular – He drives. Plural – They drive.

She works. They work.

It sleeps. (it=the cat) They sleep.



Gostou? Esse é um trecho do material original IDION - GROUNDWORK Simple Present, disponível em e-book e audiobook. Para garantir a sua cópia, é só se matricular!! Saiba mais sobre nossas Aulas Particulares Super Personalizadas e agende sua Aula Experimental gratuita clicando aqui!!


Venha ser do time que conquista. Venha ser IDION!

843 visualizações